terça-feira, 20 de dezembro de 2011

Câmara da Ribeira Grande cria nova zona turística junto à praia de Santa Bárbara


"Plano de Pormenor para área junto da praia de Santa Bárbara prevê a criação de uma nova zona destinada a empreendimentos turísticos e habitação, de um passeio marginal e a reabilitação da estrada regional, com passeio e ciclovia" 
Fonte: Açoriano Oriental online de 20.12.2011
Na minha opinião a requalificação desta zona de Stª Bárbara é de louvar, depois desta ter sido durante tantos anos esquecida. Parabéns à Câmara da Ribeira Grande.

Pena é que nem tudo é um mar de rosas, há por ai, alguns empreendedores túristicos,"quasi patricios", como diria Antero de Quental, que são autênticas jiboias, chegaram cá a São Miguel, com pézinhos de lã, fizeram-se amigos dos surfistas locais, compraram-lhes a amizade com algumas pranchas e outros bens para usufruirem das suas ondas e ficarem todos muito amiguinhos. Cambada de vendidos! Cada vez mais concordo com o autor do Blog Altar Mar, quando se refere a estas espécies como se fossem uns polvos gigantes.

domingo, 18 de dezembro de 2011

Rodrigo Rijo com resultado histórico

O jovem micaelense de apenas 16 anos, ficou em 5.º lugar na última etapa do Circuito nacional de Bodyboard, que teve lugar, este fim de semana em Carcavelos. Este foi o melhor resultado de sempre de um açoriano em campeonatos nacionais na categoria de seniores. Parabéns Rodrigo!
No vídeo podem ver o Rodrigo, hoje em Carcavelos, de lycra azul ao minuto 4.10.
Rita Pires e Manuel Centeno são os novos campeões nacionais.

Areais 18.12.2011




sábado, 17 de dezembro de 2011

quinta-feira, 15 de dezembro de 2011

... na Costa Norte (15dez2011)

Câmara da Ribeira Grande cedeu espaço para funcionamento da sede da União de Surfistas e Bodyboarders dos Açores

Foto: Franscisco Botelho

A Câmara Municipal da Ribeira Grande, através da Empresa Municipal “Ribeira Grande Mais” cedeu um espaço para o funcionamento da sede da União de Surfistas e Bodyboarders dos Açores (USBA), no complexo da Praia de Santa Bárbara. A cedência foi formalizada hoje, na assinatura de um protocolo entre o presidente da Câmara Municipal da Ribeira Grande Ricardo Silva, Presidente da USBA, Pedro Arruda e Marco Sousa, administrador-delegado da empresa municipal, decorrida no Salão Nobre dos Paços do Município. A cedência do espaço, com uma área de 35,80m2, insere-se na política do município em apoiar as associações desportivas, e no caso em concreto, a USBA, dado que as praias do concelho apresentam um enorme potencial para a prática de modalidades como o Surf e o Bodyboard. O protocolo insere-se ainda no objetivo da Câmara e da empresa municipal em investir na promoção turística através de provas desportivas, sendo uma delas o surf, ou o bodyboard. Em contrapartida pela cedência de um espaço, a USBA terá de realizar ações que dinamizem a Praia de Santa Bárbara e outras praias do concelho através de cursos de formação para a prática de Surf, de forma a implementar um conceito ajustável ao desempenho do Surf; aceitar nos cursos até 20% de crianças, ou jovens, carenciados do Concelho de Ribeira Grande, como forma de inserção desportiva e combate à exclusão social e realização de provas de Surf com o objetivo de promover os valores da amizade e camaradagem, através do convívio entre os praticantes da modalidade. (Gabinete de Imprensa da Câmara da Ribeira Grande)
Fonte : RTP A

sábado, 3 de dezembro de 2011

SOS RABO DE PEIXE algumas questões para reflexão

1)      Alguém me sabe dizer porque é que nos testes realizados no Laboratório Nacional de Engenharia Civil (ver aqui), relativos ao novo porto de Rabo de Peixe, a única associação de desportos de ondas presente (regional e nacional) foi a USBA, representada pelo seu presidente Pedro Arruda (Licenciado em História, militante do partido socialista e actualmente a trabalhar para o governo regional dos Açores como delegado de turismo da ilha de São Miguel), quando havia pelo menos mais duas associações que manifestavam o interesse em estar presentes nestes testes (SOS SALVEM O SURF e Associação de Surf de São Miguel)? Quando me foi referido pelo próprio presidente da USBA, que esta associação iria levar um engenheiro ao LNEC para acompanhar os testes, caso que não se verificou.
2)       Alguém me sabe dizer se o conteúdo funcional da licenciatura em História habilita os Historiadores com competências técnicas para poderem dar “pareceres técnicos” cabais, sobre testes realizados ao novo projecto do Porto de Rabo de Peixe no Laboratório Nacional de Engenharia Civil?
3)      Alguém me sabe dizer como se pode fazer um comunicado (ver aqui) a referir que a onda de Rabo de Peixe está salva, quando a zona onde actualmente se faz surf não foi reproduzida na maquete que foi testada no LNEC ( esta informação foi-me transmitida a mim pelo próprio presidente da USBA)? Ver foto aqui
4)      Alguém me sabe dizer se a U.S.B.A. é a única associação com legitimidade para representar todos os surfistas e bodyboarders dos Açores, tendo assim acesso privilegiado para estar presente nos testes do porto de Rabo de Peixe no LNEC? Estaremos perante um fato feito por medida? ou perante um deficit democrático?
5)     Alguém me sabe dizer porque é que o Governo Regional dos Açores não permitiu, à organização não governamental (ONG) SOS SALVEM O SURF, que já tem muitas provas dadas e competência técnica nesta matéria, o acesso à documentação do Dossier do Porto de Rabo de Peixe? Quando este porto será pago, também, com impostos de todos nós!

6)       Alguém me sabe dizer porque é que “forças ocultas”, bem identificadas, evitaram que as T-shirts SOS Rabo de Peixe fossem “lançadas” para o público, quando estas já estavam praticamente acordadas e fechadas com os patrocinadores? Será que pretendem silenciar o movimento SOS RABO DE PEIXE?

7) Será por todas as questões acima expostas, e principalmente pelo facto da onda de Rabo de Peixe estar seriamente em risco, que o Governo Regional não quer que outras associações tenham acesso ao projecto do novo porto de Rabo de Peixe?

Estas e outras questões ficam para uma séria introspecção dos caros leitores!

Um abraço  e boas e muitas ondas para todos

Rui Cabral
   

sexta-feira, 2 de dezembro de 2011

Surfrider Foundation Azores vai apresentar OCEAN REPORT



"A produção mais recente de Surfrider Foundation Europe será exibida nos Açores.
A Surfrider Foundation Azores vai apresentar, nos Açores, o último DVD da Surfrider Ocean Report, um filme que permite compreender quais são as ameaças que põem em risco a nossa costa, as nossas ondas, os oceanos e como combatê-las.
Tratam-se de quatro capítulos, com momentos em que vais mergulhar na descoberta da qualidade da água, perceber a corrida dos resíduos marinhos, navegar na pegada do transporte marítimo e seguir a orla costeira para compreender os interesses ocultos atrás da artificialização do nosso litoral. Terás, também, a oportunidade de apreciar a beleza do nosso património e das nossas ondas ao longo de todo o filme.
A apresentação do filme Ocean Report dá, assim, continuidade ao trabalho que a Surfrider Foundation tem desenvolvido através de várias acções para sensibilização e protecção dos oceanos, nomeadamente da orla costeira e das ondas nos Açores.
Este projecto é um importante meio para esclarecimento e educação do público em geral que vem, deste modo, complementar o anterior filme da Surfrider Ocean Cool, dedicado aos mais jovens, e que já foi apresentado este ano, continuando a ser difundido nas escolas dos Açores pela Surfrider Foundation."

Fonte e texto original. Surf Total

Vert já nas bancas

sexta-feira, 25 de novembro de 2011

Santa Catarina, uma abordagem histórica

Santa Catarina é actualmente vista como a melhor onda dos Açores para a prática de bodyboard (opinião subscrita por alguns riders açorianos de renome) e uma das melhores de Portugal, comparável à meca de Pipeline, havendo uma concordância generalizada quanto à qualidade mundial desta onda, por parte de inúmeros surfistas e bodyboarders profissionais, fotógrafos, publicações internacionais como a “Stormriders Guide”, ou a revista de bodyboard Vert, que têm tido fotos, reportagens e inúmeras referências à onda de Santa Catarina, ao longo da última década.

Preocupação social

A preocupação com a onda de Santa Catarina já vem de longa data. No início dos anos 90, um movimento intitulado COCOVAMA - Companhia de Corredores de Vagas de Mar - foi o primeiro sinal de alerta quanto às alterações costeiras na Praia da Vitória: o Porto Oceânico desde 1985 e em seguida infra-estruturas industriais e de apoio à actividade portuária. A contrução deste porto eliminou uma série de ondas que quebravam em fundo de areia na baía da praia, sobrando até à actualidade apenas a onda da Ribeira de Santo Antão (chamada de Riviera entre a comunidade surfista local).
Santa Catarina já é surfada por locais há pelo menos 25 anos, e em 1986 já era vista como um santuário de surf, por surfistas como “Xico Martelada”, Carlos “Perna” Gouveia ou o carismático João Luís “Arquitecto” P. Santos, a que se seguiram surfistas como José Fernando Lima José Sousa, os irmãos Ricardo e João Freitas e mais recentemente, nos anos 90 Filipe Barata.

A questão da onda do Terreiro de São Mateus

Entre 2008 e 2009, uma grande pressão social foi feita para evitar graves danos à onda do terreiro, mediante a ameaça de uma obra costeira para “protecção” do novo bairro social. Foram apresentados projectos alternativos como a “Alternativa Feliz” do Arqº João Luís dos Santos e propostas para minimizar os efeitos caso a obra avançasse. Pessoas como Filipe Alves ou João Monjardino trabalharam arduamente de variadíssimas formas, reunindo assinaturas, organizando eventos, manifestações e divulgação nos media, no sentido de evitar o pior. A obra foi feita mesmo assim e a onda ainda lá continua, ainda que com algum backwash e menos segurança nas entradas e saídas.

Bodyboard em Santa Catarina

O bodyboard local surgiu no início dos anos 90 com riders como Filipe Lourenço e Carlos Moura, entre outros. A esta primeira vaga seguiram-se a meados dos anos 90 Carlos Leal e Tó Branco. Já no início deste século, surgiram Samuel Barcelos, Miguel Mendonça, Nelson Branco e Tiago Fagundes, entre outros. A atitude local sempre foi receber os visitantes numa óptica de “respeita e serás respeitado”, o que será confirmado pelos inúmeros praticantes de origem nacional e internacional que a visitaram. A comunidade surfista local sempre se mostrou pouco ou nada interessada em receber competições ou eventos que fomentassem a exposição mediática da onda (argumentando o potencial aumento desmesurado do crowd e a perturbação da paz que sempre se viveu neste local, numa onda que pelas suas características, não permite muitos praticantes por sessão).


Ameaças à onda

Matadouro Industrial

Entre 2005-2007 deu-se a construção e instalação do parque de combustíveis da Ilha Terceira e do matadouro industrial da ilha Terceira, a escassos 100m da laje onde quebram as famosas ondas, na antiga pedreira do Cabo da Praia (que serviu para a construção do referido porto oceânico). O matadouro representou uma ameaça séria à onda logo de início por via das descargas de vísceras e sangue dos animais abatidos em quantidades na ordem dos milhares de litros por dia. Tais factos levaram à criação de um núcleo de força local, em parceria com movimentos cívicos, abaixo-assinados e associações de defesa do ambiente - Gê-Questa - conjuntamente com a comunidade local de desportos de ondas.

Surgiu assim o movimento cívico intitulado SOS-CABO DA PRAIA, que recolheu assinaturas, organizou protestos, “meetings” de surf com o intuito de chamar a atenção dos media para o problema e sessões de esclarecimento com a comunidade local, que foram amplamente divulgados ao nível local. Graças à entrega de pessoas como Sérgio Aparício, Filipe Barata ou Pedro Cordeiro, alertou-se para o valor patrimonial não só desta onda como de toda a envolvente: a pedreira entretanto formou uma zona húmida com potencial turístico, um hotspot para observação de aves selvagens provenientes do Norte da América, sendo esta uma referência a nível europeu. Por outras palavras, foi apresentado o potencial da onda num contexto multidisciplinar, como o seguinte título de uma das acções atesta “Proposta de acções geradoras de recursos auto-sustentáveis para a orla costeira do Cabo da Praia, ilha Terceira – Açores”.
Este movimento provocou a visita do antigo Secretário Regional da Agricultura e Florestas ao local, que garantiu que o matadouro estaria equipado com todas as condições para fazer face à sua actividade sem provocar problemas de saúde pública. Passados alguns meses a situação foi efectivamente resolvida e não mais esse esgoto perturbou nem manchou as águas de Santa Catarina.


Pescatum /Descargas a céu aberto

Por sua vez, um segundo esgoto proveniente do parque industrial e de uma indústria conserveira - a Pescatum - já vinha a ameaçar a saúde pública dos praticantes, por via de grandes descargas nauseabundas, desde o início deste século. Este é um problema antigo e que foi amplamente divulgado nos media locais e regionais. Foram feitos abaixo-assinados, queixas à Secretaria do Ambiente, à Autoridade Marítima, foram conduzidas reportagens para a RTP-Açores, RDP-Açores, e os jornais locais, Diário Insular e A União. O movimento tomou conhecimento de análises efectuadas ao local, cujos resultados nunca vieram a público.


Parque de Combustíveis do Cabo da Praia

Quanto ao parque de combustíveis, de interesse estratégico, também foi instalado na antiga pedreira do Cabo da Praia, aquele era de facto o local lógico para a sua implantação. Como a pedreira já tinha sido escavada demasiado profundamente e próxima à linha de costa basáltica, a água entrou via aquífero de base e formou-se uma nova zona húmida. Devido à erosão costeira, facilitada pelo tipo de material e pelas fortes tempestades de 2009 e 2010, surgiu uma ameaça física à integridade do parque de combustíveis, o que levou durante o ano de 2011 às obras costeiras de protecção, através de um molhe de protecção de cerca de 1km de extensão, obra realizada a cargo da APTG-Administração dos Portos da Terceira e Graciosa, actualmente Portos dos Açores (que detém a jurisdição terrestres da zona).


Criação da AST – Associação de Surf da Ilha Terceira

Em 2009, surge a AST - Associação de Surf da Ilha Terceira, a primeira organização com voz activa no surf terceirense. Referir o impulsionador da primeira reunião pré-AST, anterior presidente da Gê-Questa, e membro da I direcção da AST, Msc. Orlando Guerreiro. Essa associação surgiu da necessidade de criação de uma organização oficial que defendesse os interesses da comunidade local de desportos de ondas perante as ameaças que existiam contra as ondas locais. A preservação das ondas e o assegurar de condições de segurança e saúde pública aos seus utilizadores constituem os seus objectivos máximos.


Actividades da AST

Entre 2009-2010 destaque para as inúmeras acções de limpeza costeira e “meetings” de surf realizados em parceria com associações locais de defesa do ambiente (Gê-Questa). Referir a vinda de Mike Stewart a São Miguel e à Terceira em Dezembro de 2009 (parceria AST/USBA-União de Surfistas e Bodyboarders dos Açores), como aliado na luta pela preservação de Santa Catarina. No âmbito desta deslocação a AST organizou uma sessão de esclarecimento sobre a onda, realizada na Casa das Tias do Vitorino Nemésio, Praia da Vitória. Nesta sessão, o Sr. Secretário Regional do Ambiente, álamo Meneses, como convidado de honra, prometeu a resolução ainda em 2010 da questão dos esgotos tendo referido que "ou a fábrica fechava ou resolvia-se o problema dos esgotos". Mike Stewart recusou-se a entrar na água devido ao esgoto, mas enalteceu a qualidade da onda e o potencial deste recurso. Em 2010, foi exercida mais pressão mediática pela AST no sentido de se resolver o problema do esgoto, por via da provável interferência negativa na anunciada etapa do Mundial de Bodyboard.


A temida obra costeira, a maior ameaça

Já em 2011 iniciaram-se as controversas obras costeiras. A AST e a comunidade local de desportos de ondas reconhecem a necessidade desta obra. Contudo, todo o esforço comunicacional e negocial foi dirigido de forma a fazer-se a obra não afectando fisicamente a qualidade da onda. Há a referir o excelente diálogo AST/USBA com a APTG, que transmitiu desde o início do processo muita honestidade, transparência e vontade de atingir uma solução que não violasse os interesses de ambas as partes.Decorreram reuniões de trabalho conjuntamente com o Arqº João Monjardino no sentido de ter-se acesso ao projecto em papel. Após a consulta do projecto, constatou-se que caso fosse executado na forma inicial, traria consequências gravíssimas para a onda, nomeadamente a reflexão.

Decorreu uma reunião de trabalhos com o engenheiro encarregado de obra que se deslocou a Santa Catrina com a onda a funcionar. O projecto foi reformulado recuando 10m no papel,  situando-se no limite do zero hidrográfico. Os media foram alertados aquando do início repentino dos trabalhos e a obra foi acompanhada passo a passo, dia a dia, até ao seu términus. Apesar de toda a contra-informação e controvérsia gerada à volta desta obra, obteve-se a garantia por parte do Sr. Director Regional dos Transportes Terrestres de um mês inteiro de observação dos trabalhos para se ter a certeza que a obra não afectaria a onda. Assim aconteceu e desde o projecto inicial a obra recuou duas vezes para um total final de 13m, tendo sido dadas as garantias que recuaria ainda mais caso se confirmasse a interferência por reflexão (backwash).
Nas semanas seguintes ocorreram várias ondulações superiores a 3m e não houve qualquer reflexão. A AST ficou satisfeita com as negociações, sendo este um exemplo de excelente comunicação, boa vontade política e entrega total de determinadas pessoas, a referir João Monjardino  que se empenharam e desdobraram para um final positivo para todos.

A participação da USBA, nas pessoas do Arqº João Monjardino e Pedro Arruda e da Engª Conceição Rodrigues da APTG são referências obrigatórias além da AST, para o sucesso de  toda esta grande operação.

Carlos Leal
Presidente da Direcção da AST

quarta-feira, 23 de novembro de 2011

Açorianos deixaram uma boa marca no mundial de Bodyboard

Os açorianos presentes neste mundial de bodyboard, que pela 1.ª vez se realiza nos Açores, em Stª Catarina, ilha Terceira, deixaram uma boa imagem do nível deste desporto na região, como se pode, facilmente, verificar aqui. Contudo, é notório a falta de ritmo competitivo dos nossos atletas, principalmente devido ao facto destes, não terem acesso a competições de uma forma mais regular e efectiva, como acontece por exemplo, no continente. Um grande contributo para a melhoria desse ritmo competitivo seria a organização de um campeonato regional, com etapas em várias ilhas, para além dos circuitos de clubes e da Taça Açores que já se realizam em São Miguel.

Fiquem com o vídeo do 1º dia de competição

sábado, 19 de novembro de 2011

Sérgio Rego conseguiu chegar aos quartos de final em Stª Catarina

Hugo Pinheiro e Rita Pires venceram em Stª Catarina

Foto, fonte e texto: Bodyboard.pt
Hugo Pinheiro e Rita Pires foram os melhores em Santa Catarina, terceira paragem do Circuito Nacional de Bodyboard, que terá a sua decisão em Carcavelos, entre 17 e 19 de Dezembro.
Hugo Pinheiro protagonizou uma final emocionante com o talentoso atleta da Figueira da Foz, Jaime Jesus, arrancando a vitória na última onda após um domínio de Jesus. O figueirense assumiu-se durante o dia como um forte candidato à vitória depois de eliminar o crónico pretendente ao título e agora líder, Manuel Centeno; Pinheiro fez o mesmo com Gastão Entrudo, talvez o atleta mais consistente até aquele momento de prova. Pelo caminho, nos quartos de final ficou também aquele que era, até este momento, o comandante do circuito, Filipe “Cabrela” Raposo. De facto, neste momento, há cinco atletas que podem ser campeões em Carcavelos: Manuel Centeno, Filipe “Cabrela” Raposo, Hugo Pinheiro, Jaime Jesus e Gastão Entrudo.

1ª dia em que a "Rainha" Stª Catarina revelou a sua nobreza

sexta-feira, 18 de novembro de 2011

Stª Catarina "A Rainha" mostrou o seu sangue azul

"A Rainha", como é conhecida Stª Catarina, brindou todos os que se deslocaram até à ilha Terceira com ondas de gala. Ricardo Faustino, conhecido atleta de Espinho e adepto de ondas grandes, foi um dos felizardos do dia, que pode contemplar, bem por dentro, o poder desta onda majestosa ao fazer um tubo nota 10, a nota mais alta que um wave rider pode ter em competição. Destaque ainda para  Sérgio Rego, o único açorianos que ainda está em prova, que apanhou um pequeno susto, pelo facto de não ter conseguido sair de um tubo, bateu no fundo, numa rocha, e teve que levar uma pequena sutura no lábio, valendo-lhe o capacete que usava na altura, segundo me referiu à instantes.
Foto : Ricardo Faustino no tubo que lhe valeu 10 pontos, com Nuno "Batata" a saudá-lo.
Foto tirada por Hugo Miguel

terça-feira, 15 de novembro de 2011

Paulo Melo o fotógrafo que melhor conhece Stª. Catarina

ESPÓLIO DESDE 1986 Histórias de surf e bodyboard captadas em anos de fotografia
Publicado na Terça-Feira, dia 15 de Novembro de 2011, em Actualidade Poderíamos chamá-lo “surfista sem prancha” dado que, apesar de nunca ter dropado uma onda nos seus 45 anos de idade, o fotógrafo Paulo Melo sabe distinguir um ‘ARS’ de um ‘cut back’ ou de um ‘bottom turn’ – manobras executadas pelos praticantes de bodyboard e de surf cujos nomes lhe são familiares tanto quanto os ângulos da sua máquina fotográfica.

Wildcards para o Azores Islands Bodyboarding Festival



Quero desde já, dar os parabéns à USBA, por desta vez não se ter esquecido dos atletas açorianos, como aconteceu recentemente no Azores Islands Pro (Ver aqui, aqui e aqui). A USBA sem os atletas açorianos não tem razão de existir.

domingo, 13 de novembro de 2011

SOUL Wave Riders - Surfistas de Alma

Uma placa de isolamento térmico é o suficiente para estas crianças de Rabo de Peixe se divertirem. Apesar do frio que se fez sentir hoje (11º graus no termómetro do carro), isso não constituiu um impeditivo para estes meninos deslizarem numas ondas, ao mais puro estilo soul. São surfistas de alma e de coração, daqueles que já não existem muito por ai, surfam por gosto, sem fatos modernos de neoprene que lhes dê um aconchego ao corpo, ou pranchas de topo de gama. Surfam livremente e de forma desprendida aquelas que, provavelmente, serão as últimas ondas que rebentarão nesta pequena praia, que em breve irá dar lugar a uma "marina", para alguns senhores feudais porem as suas lindas lanchas, e para alguns pescadores poderem"varar" os seus barcos. Tudo isso com o aval de personalidades que se preocupam mais com os seus carreirismos políticos e em servir os interesses, qual marionetes, de quem está no poder.

Deluxe 2012 Team


Os pés de pato da Deluxe são considerados uns dos melhores do mercado. Não prometemos falsas revoluções, apenas uma tecnologia única, escolhida pelos melhores riders do IBA Grand Slam Series. Deluxe 2012, novas cores, novos atletas!
Divisão Signature
Michael Novy. Preto Amarelo
Sam bennet. Preto Laranja
Jared houston Preto
José Otávio Azul Vermelho
Divisão FREE surf
Rui Ferreira Roxo Verde
Renan Faccini Azul Amarelo
www.deluxefins.com
Email para informações internacionais deluxefins@deluxefins.com
Email para informações na Europa  rpaf.net@gmail.com

sexta-feira, 11 de novembro de 2011

Governo Regional dos Açores não autorizou acesso à documentação do novo projecto do Porto de Rabo de Peixe à SOS SALVEM O SURF e à SURFRIDER FOUNDATION AZORES






As duas associações a quem o Governo regional dos Açores negou o acesso à documentação do novo Porto de Rabo de Peixe.

Até ao momento, a USBA foi a única associação que teve acesso à documentação e aos testes do Laboratório Nacional de Engenharia Civil, bem como a reuniões com o Governo Regional dos Açores. Isso será porque, o presidente da USBA, Pedro Arruda, é militante do partido politico que está no poder do Governo Regional dos Açores? estes e outros assuntos serão aqui explanados em breve!

... na Costa Sul (09nov2011)

quarta-feira, 9 de novembro de 2011

Entrega de prémios aos Campeões do Circuito do Clube Naval de Ponta Delgada


Celebra-se no próximo Sábado, dia 12, às 21.00 hs, a entrga de prémios do final do circuito CNPDL.
O local será no bar H2O junto ao Clube Naval de Ponta Delgada.

Pedro Arruda - Personalidade do Ano para a Federação Portuguesa de Surf


(...)"De destacar ainda o prémio recebido por Pedro Arruda, distinguido como Personalidade do Ano da FPS pela Confederação do Desporto. Pedro de Mendoza y Arruda Oliveira Rodrigues, lisboeta com raízes açorianas, este empresário da área do turismo distinguiu-se enquanto dirigente desportivo como fundador da USBA, União de Surfistas e Bodyboarders dos Açores, associação a que actualmente preside.
Foi nessa qualidade de dirigente que, desde 2009, desempenhou papel fundamental no
desenvolvimento dos desportos de ondas no arquipélago açoriano, nomeadamente na promoção de várias provas da ASP (Azores Islands Pro) e da FPS (Circuitos Nacionais de Surf e Bodyboard Open e Feminino), além de estar a preparar o Azores Islands Bodyboarding Festival, que inclui uma etapa do Nacional de Bodyboard e uma etapa do Circuito Mundial de Qualificação da IBA (International Bodyboarding Association)
Para lá da organização de campeonatos, Pedro Arruda contribuiu, e continua a fazê-lo de
forma intensiva, na divulgação dos desportos de ondas através do apoio a atletas, formação de juízes, entre outras actividades umbilicalmente ligadas ao trabalho da FPS. Paralelamente, é um activista empenhado na preservação do património costeiro açoriano, mais especificamente, das ondas do arquipélago e um defensor acérrimo destas como um importante recurso turístico e económico para o desenvolvimento sustentado da região."
Fonte foto e texto original :Surftotal

sexta-feira, 4 de novembro de 2011

Surfrider Foundation Azores solicita à UNESCO que ondas passem a património mundial


"A Surfrider deu um novo passo para a defesa das ondas.
A Surfrider Foundation, organização não govenamental para a defesa dos oceanos, das ondas e da orla costeira, apresentou uma proposta à UNESCO para que as ondas passem a ser classificadas como património mundial.
Entre vários encontros internacionais e conferências da Surfrider Foundation, que decorreram entre Biarritz e San Sebastian de 21 a 25 de Outubro, a Surfrider apresentou o pedido feito à UNESCO, pretendendo com este programa, assegurar a defesa e a preservação das ondas, para as futuras gerações, segundo as convenções da UNESCO.
Paulo Melo, director da Surfrider Foundation para os Açores (Surfrider Foundation Azores), onde a onda de Rabo de Peixe corre o risco de ser lesada devido ao projecto de expansão do porto de pescas, participou nos meetings internacionais da Surfrider bem como na conferência para a protecção das ondas e considera que se todos entenderem os surfbreaks como um recurso e uma herança natural a preservar e a ter em conta na elaboração dos projectos costeiros e nos estudos de impacte ambiental, então estamos mais perto da verdadeira preservação das ondas e por isso este é um caminho muito importante entre outros programas que são seguidos em paralelo, pois adverte que nem todas as ondas de classe mundial e com valor natural, social e económico terão todos os requisitos e a felicidade de serem contempladas segundo as convenções da UNESCO e no mundo de hoje uma frase muito reiterada é “waves are never saved, they are always being saved”.

Como não podia deixar de ser, o programa do meeting internacional da Surfrider Foundation incluiu várias sessões de surf, onde os participantes tiveram a oportunidade de surfar as ondas que entraram naquela semana em Biarritz e San Sebastian, semana que ficou marcada pelo sucesso do intercâmbio entre as várias ONG´s a favor de uma causa tão importante como a defesa dos oceanos, das ondas e do seu valor."
Fonte foto e Texto original: Surftotal

Santa Catarina livre de esgoto durante campeonato mundial de Bodyboard

Capa do Jornal "A União"
Publicado na Sexta-Feira, dia 04 de Novembro de 2011, em Actualidade

A Secretaria Regional do Ambiente e do Mar e a Portos dos Açores SGPS deram garantia oficial de resolução de tratamento do esgoto a céu aberto na zona de Santa Catarina, concelho da Praia da Vitória, dentro de um curto espaço de tempo.
De acordo com o responsável pela Associação de Surf da Terceira, Carlos Leal, a obra está em curso e, apesar da data da sua concretização ser posterior aos dias do Azores Islands Bodyboarding Festival, que irá decorrer naquele local de 17 a 27 de Novembro, as descargas de resíduos da fábrica de conserva ali situada estarão desactivadas.

quinta-feira, 3 de novembro de 2011

Na onda com ...Miguel "Biskoito" Mendonça

Fomos falar com o homem que "anda a correr" o mundo no cartaz do Azores Islands Bodyboarding Festival. Fica a conhecer este wave rider na entrevista em baixo.



O que é que sentiste ao ver a tua fotografia (tirada pelo Paulo Melo) como cartaz do 1.º Azores Islands Bodyboarding Festival?

"Rabo de Peixe: Governo quer criar erro de 17 milhões para tentar corrigir erro de 9 milhões"

Escrito por Manuel Moniz
Quarta, 02 Novembro 2011 16:35 (Diario dos Açores online)


O Governo Regional decidiu lançar o concurso público para as obras de “ampliação, reordenamento e beneficiação do Porto de Rabo de Peixe”, num investimento global de 17 milhões de euros.
A empreitada pretende “garantir melhores condições à comunidade piscatória desta vila do concelho da Ribeira Grande, através de um aumento das facilidades logísticas e da ampliação e reforço da operacionalidade do porto de pescas”.
Essa é a interpretação governativa. Mas basta olhar para a história daquele porto para se perceber que o que está realmente em causa é a tentativa de resolver um erro que foi cometido pelo 1º governo de Carlos César, e que já custou cerca de 9 milhões de euros.
Na realidade, este é um caso flagrante de oposição entre políticos e a população. O projecto vem do tempo dos governos do PSD, quando era secretário regional da Agricultura e Pescas Adolfo Lima. A sua proposta de localização foi de imediato rejeitada pelos pescadores, que garantiam que a operacionalidade do futuro porto, a ser construído daquele modo, seria fortemente prejudicada. As reuniões foram em geral inconclusivas, com o governante a apresentar sucessivamente novas alternativas.
Quando o PS ganhou as eleições, o tom mudou. E a partir de determinada altura, o Governo parece ter decidido avançar com o porto, quer os pescadores quisessem, quer não.

terça-feira, 1 de novembro de 2011

Azores Islands Bodyboarding Festival - Marco histórico no Bodyboard Açoreano

Alguns dos melhores Bodyboarders mundiais marcarão presença neste evento histórico que se realizará na recentemente "purificada" onda rainha de Stª Catarina. Desde já, dou os meus sinceros parabéns à Associação de Surf da Terceira e em particular ao Carlos Leal, por uma longa e penosa luta travada pelo fim dos esgotos em Stª Catarina, estendendo também os parabéns à USBA, na pessoa do Pedro Arruda e restantes membros, pelos esforços realizados em trazer este campeonato aos Açores. Parafraseado o que disse o meu caro amigo Carlos Leal, na Taça Açores 2009, "Juntos somos mais fortes". Muitas vezes podemos não concordar com certas e determinadas situações, contudo, temos que reconhecer e dar o mérito a quem o merece noutras ocasiões.
"Quem se irrita com as críticas está a reconhecer que as merece." (Tácito)

segunda-feira, 31 de outubro de 2011

Campeões do Circuito CNPDL já apurados


Celebrou-se no passado dia 28 de Outubro, na praia das Milícias a ultima etapa do Circuito CNPDL de Surf OPen e Feminino e Bodyboard Open e Feminino de 2011. As condições de mar estiveram favoráveis para o desenrolar de uma prova destas características, as ondas quebraram entre o metro e o metro e meio, o tempo esteve soleado e o público aderiu ao espectáculo. O Circuito CNPDL 2011 contou com quatro etapas realizadas entre praias da Ribeira Grande e Ponta Delgada. Participaram no total 42 atletas divididos entre as quatro divisões. Este Circuito que é organizado pelo Clube Naval de Ponta Delgada, já se realiza há dois anos e a organização espera para o ano continuar com o trabalho que tem vindo a desenvolver até aqui.
Ranking final (aqui)

Shipsterns power

shipsterns.com from Dave otto on Vimeo.

domingo, 30 de outubro de 2011

Ampliação do Porto de Rabo de Peixe com 17 milhões de euros


"O Governo dos Açores decidiu hoje lançar o concurso público para as obras de ampliação, reordenamento e beneficiação do Porto de Rabo de Peixe, em S. Miguel, num investimento global de 17 milhões de euros.
A empreitada pretende garantir melhores condições à comunidade piscatória desta vila do concelho da Ribeira Grande, através de um aumento das facilidades logísticas e da ampliação e reforço da operacionalidade do porto de pescas. " Açoriano Oriental online de 29.10.2011

sábado, 29 de outubro de 2011

Porto de Rabo de Peixe custará mais de 15 Milhões de Euros


O Governo Regional autorizou a abertura de um concurso público para a adjudicação da empreitada de ampliação do porto de pesca da Vila de Rabo de Peixe, com o preço base de 15 milhões de euros, acrescido de IVA à taxa legal em vigor
Açoriano Oriental online

sexta-feira, 28 de outubro de 2011

4.ª Etapa CNPDL

Exmo. Senhores,
Por motivos meteorológicos, a 4ª Etapa de Surf, prevista para os dias 22 e 23 de Outubro de 2011, foi adiada para 29 e 30 de Outubro. Sendo que a previsão meteorológica para 29 e 30 de Outubro não apresenta as melhores condições para a zona Sul.
De todos os modos a prova fica agendada para a praia das Milícias, havendo a possíbilidade de passá-la para a costa Norte (será realizada no Areal de Stª Bárbara, ou no Monte Verde, na Ribeira Grande), se tal acontecer todos os inscritos serão avisados com antecedência por sms.

Com os meus cumprimentos,
Ricardo Ribeiro.

quinta-feira, 27 de outubro de 2011

... na Costa Norte (27out2011)

"NAZARÉ FAZ HISTÓRIA AO ENTRAR NA CORRIDA PARA OS BILLABONG XXL GLOBAL BIG WAVE AWARDS 2012 COM GARRETT MCNAMARA "


"A Nazaré volta a fazer história no surf em Portugal. O extreme waterman Garrett McNamara entrou na corrida para os Billabong XXL Global Big Wave Awards 2012, considerados os “óscares” do surf de ondas grandes. O surfista havaiano está a concurso na categoria de “Biggest Wave”, com uma onda surfada na Praia do Norte, na Nazaré. É a primeira vez que uma onda portuguesa é referenciada neste galardão.
Foi no passado dia 17 de Outubro que Garrett McNamara e CJ Macias, da Florida, realizaram uma sessão de tow-in, naquela que foi a primeira grande ondulação do projecto, que começou no domingo mas que atingiu o pico na segunda-feira. O extreme waterman apanhou em tow-in a maior onda do ano, a maior dos três dias de ondulação na Praia do Norte. E é com esta onda nazarena que Garrett McNamara está entre os seleccionados para a categoria “Biggest Wave”."
Fonte e mais informações em http://www.praiadonorte.com.pt/

domingo, 23 de outubro de 2011

Parabéns! Ricardo Moura campeão nacional de Ralis

Ricardo Moura, excelente wave rider, foi agora consagrado como o campeão nacional de Ralis 2011.


Foto de Carlos Duarte
 Moura a desfrutar de uma sessão de ondas uns dias antes (7/10/2011) de se sagrar campeão Nacional de ralis.

segunda-feira, 17 de outubro de 2011

Onda apoia atletas açorianos

Ricardo "Caveira" Ferreira e Sérgio "Serginho" Rego

Ziplex:


ZIPFLEX ...O centro das atenções
Warm - X-Flexibility - Hi-Tech
No Zipflex podes encontrar a mais recente tecnologia utilizada a nível de fechos frontais neste caso utilizamos o sistema de Slant Zip Chest Entry o fecho YKK é colocado na obliqua e de forma a estar sempre pronto para ser fechado ao contrario de muitas outras marcas, o que facilita bastante o rápido fechar do fato.

sexta-feira, 14 de outubro de 2011

Boa onda verde - "Campanha de arborização na Ribeira Grande prevê plantação de 6.000 árvores"

Regional
2011-10-12 17:53
A Câmara da Ribeira Grande, nos Açores, inicia na segunda-feira uma campanha de arborização que prevê a plantação de 6.000 árvores e arbustos de varias espécies em vias, espaços verdes e urbanizações até ao final do mês
A campanha de arborização deste concelho da costa norte de S. Miguel, que resulta de uma parceria com a Secretaria Regional da Agricultura e Florestas, começa com a plantação de árvores e arbustos no Passeio Atlântico.
Ao longo do mês serão plantadas espécies como a Faia, Folhado, Plátano, Bétula, Medronheiro, Olaia, Sanguinho e Tuia, oriundas dos viveiros florestais do município e da região.
No total, serão plantadas seis mil árvores de pequeno e médio porte e arbustos nas 14 freguesias do concelho da Ribeira Grande, revelou hoje a autarquia.
Esta iniciativa, inserida no Ano Internacional das Florestas, vai abranger urbanizações, espaços verdes, largos, avenidas e áreas envolventes dos reservatórios de água.
A Câmara da Ribeira Grande salientou ainda que a campanha pretende ser "mais um passo na defesa e promoção de um desenvolvimento sustentável, melhorando a qualidade de vida dos munícipes".

quinta-feira, 13 de outubro de 2011

Adiada a 4ª Etapa Circuito CNPDL


Devido à indisponibilidade de um considerável nº de inscritos, a prova de Surf  '4ª Etapa Circuito CNPDL' prevista para 15 e 16 de Outubro, será adiada para 22 e 23 de Outubro.

domingo, 9 de outubro de 2011

Where´s Erica?

A bela e simpática Erica enviou para o Wave Riders Açores o vídeo que realizou sobre a sua estadia em São Miguel para participar no Azores Island Pro. Enjoy!

sexta-feira, 7 de outubro de 2011

"Procurando patrocínios ou usando verbas disponíveis: Billabong Azores Islands Pro podia ter contado com surfistas açorianos se a organização pagasse as taxas"

07 Outubro 2011 [Opinião]
"Após ter sido confrontado com um pseudo esclarecimento conjunto da USBA e DAAZ eventos, que mais não é do que um exercício de fraca retórica, repleto de omissões, manipulações e fugas à verdade, publicado na edição do dia 1 de Outubro, do Jornal Correio dos Açores, em resposta a um dos pontos do meu artigo de opinião, “Pouco profissionalismo”, em que versei sobre o “Azores Islands Pro”, publicado no Correio dos Açores a 29 de Setembro de 2011, cabe-me repor a verdade dos factos. Não fosse o objectivo de um cabal esclarecimento dos leitores do Correio dos Açores, de modo a que estes não sejam alvo de uma vil manipulação que mais não foi do que uma tentativa de ataque pessoal, mentindo para ocultar incompetências e deslumbramentos vários, não me deteria nem perderia tempo com tamanhas provas de desonestidade intelectual e desfaçatez demonstradas.
No referido comunicado, são-me endereçadas algumas críticas de manipulação e omissão de factos, bem como de ignorância e de ter levantado suspeições ridículas. Passo a desmontar, ponto por ponto, todas estas críticas e quem analisar de uma forma séria e desprendida todos os factos, chegará rapidamente à conclusão de que a minha argumentação tem razão de ser e só quem vive numa realidade paralela, inebriado pela ânsia de exposição e de recalcamentos vários é que podem achar que têm razão.

Ponto 1 – Apoios financeiros. É ridículo e lamentável que num ponto tão concreto, se consiga mentir

quinta-feira, 6 de outubro de 2011

Drop in on me, please!

Por vezes um drop in na altura certa tem efeitos inesperados e felizes.

Ontem no Super Wedge, como lhe chamam os pros do estrangeiro...


terça-feira, 4 de outubro de 2011

Divulgação - Treinos de Boxe época 2011/2012

Temos várias opções para ti: Boxe educacional (sem contacto), Boxe de manutenção e Boxe competição.
Vem experimentar um treino! Terças e Quintas das 19:30 às 20:30 em Ponta Delgada. Mais informações mboxeclube@gmail.com ou http://mboxeclube.blogspot.com

Boxe Educacional e de Manutenção (Vídeo)

Boxe de Competição(Vídeo)

O Skate e alguns skaters açorianos por Tiago Moniz


Tiago Moniz teve a oportunidade de publicar um artigo em que valoriza o Skate e os Skaters dos Açores em Especial de São Miguel.
Uma matéria de 5 Paginas onde se destacam os protagonistas da mesma.
Carlos Costa, David Meireles, e João San são os Skaters que dão as caras desta Comunidade de Grande nivel para um panorama das condições da modalidade à qual estes Skaters estão inerentes nas ilhas dos Açores.
Poderás encontrar a revista este artigo na Loja Espaço Azul.
Para leres o artigo clica aqui. (link)

segunda-feira, 3 de outubro de 2011

Pedro "Pedrim" Correia" - Azorean Pride

Criatividade, humor, inovação, grandes ondas e grandes manobras é o que podemos ver no vídeo deste talentoso jovem Açoriano, que sem dúvida já merecia mais apoios das grandes marcas internacionais que apostam no Bodyboard. O que é Açoriano é bom.
Vitorino Nemésio  "criou" o termo açorianidade, eu acrescento que nos dias que passam, existem algumas pessoas que precisam de exultar e valorizar mais a nossa açorianidade. Grande Vídeo Pedrim, parabéns!

Comentário do Sagão- um dos pioneiros do surf em São Miguel e nos Açores

Como, infelizmente nem o administrador do blog consegue publicar os comentários, estes serão publicados na mesma, desta forma:
Boa noite.
Como não tenho conseguido enviar os meus comentários ao assunto acima referido, envio por mail para, se assim entenderem, poderem publicar os mesmos.
Abraço,
Sagão
1.
Boa noite a todos.
Quanto à minha posição em relação à atribuição dos wildcards, já todos perceberam a minha posição.
Não querendo entrar em "diálogos diretos", sinto a necessidade de responder ao Marco.
Caro Marco, ou não leste com atenção o meu comentário, ou leste e não o percebeste!
Se leres novamente, percebes que eu concordo contigo em relação às mais-valias que o WQS trás à Região. O que eu digo é que para mim (e mais uns quantos) o surf é mais importante do que a parte económica!

"Bombeiros, militares e voluntários limparam zona costeira de Rabo de Peixe"


"A presidente da Junta de Freguesia de Rabo de Peixe admite as dificuldades, mas persiste no objetivo de acabar com o hábito de alguns dos habitantes de lançar lixo na orla costeira desta vila de S. Miguel, nos Açores.
“A zona marítima de Rabo de Peixe tem recolha de resíduos todos os dias, inclusivamente ao domingo, mas algumas pessoas continuam a lançar lixo nas rochas”, afirmou Maria do Céu Estrela em declarações à Lusa, a propósito da campanha desenvolvida durante toda a semana para eliminar o passivo ambiental de uma das localidades mais populosas dos Açores.
A operação 'Lixo Zero em Rabo de Peixe' incidiu na orla costeira e envolveu cerca de 200 pessoas, entre as quais bombeiros, militares, funcionários autárquicos, escuteiros, trabalhadores de empresas privadas e voluntários.

sexta-feira, 30 de setembro de 2011

Os wildcards atribuidos pela organização foram todos eliminados

Para além dos wildcards que foram atribuídos pela organização terem sido eliminados à primeira, , houve ainda quem fizesse 1500km e depois não se dignou a comparecer no seu heat, "... Frederico Morais deveria ter competido na 17ª bateria da primeira ronda mas não compareceu..." mas que falta de respeito é esta, andam a brincar com isto tudo ou quê? Situações destas não se podem repetir! Segundo algumas pessoas o "menino" tinha a possibilidade de ir a um campeonato mundial de juniores, não sei se se confirma ou não esta situação, mas a ser verdade isso é grave. Então a organização dá-lhe um wildcard para vir aos Açores, e o menino vem à laia de passeio e depois não comparece no seu heat! Desculpem, mas isto é uma palhaçada e uma tremenda falta de respeito!

ADENDA - Confirma-se o que disse em cima - "o júnior Frederico "Kikas" Morais, acabou por se ver obrigado a faltar ao heat pois tinha de regressar ao continente. Kikas arranca na sexta-feira para Bali, juntamente com Vasco Ribeiro, para disputar o titulo de campeão mundial júnior e devido a uma sobrelotação dos voos, o português não conseguiu alterar o seu voo tendo por isso de regressar." Fonte e texto :Onfire

quinta-feira, 29 de setembro de 2011

AVISO

AVISO - Há cerca de uma semana que este blog está a ser atacado por vírus e avisos de conteúdos bloqueados etc etc etc.Inclusivé mandaram um vírus para o email do blog, que afectou o meu computador portátil durante alguns dias, tendo já sido removido.
Por isso muitas pessoas se têm queixado e não têm conseguido colocar os seus comentários aqui no blog. Parece que alguém anda a tentar silenciar algumas das coisas que estão a tentar ser ditas aqui. Infelizmente ainda existem pessoas que têm deficit democrático e não convivem bem com a liberdade de expressão e de opinião dos outros.
Mandem para o email waveridersacores@gmail.com, todos os vossos comentários que colocarei aqui com todo o gosto, logo que possível.
ADENDA - Podem também deixar os vossos comentários no facebook na página do Wave Riders Açores

Toda a verdade sobre os Wildcards para o Azores Island Pro 2011

Considerando que este assunto é polémico, contactei a ASP Europa, entidade que regulamenta as competições de surf como o Azores Island Pro, no sentido de "ouvir da boca deles" toda a verdade sobre a possibilidade de atribuição de wildcards a surfistas açorianos. Em baixo fica a minha pergunta feita por email, que foi com conhecimento à presidência do governo regional dos Açores, ao jornalista do Açoriano Oriental que escreveu o artigo que podem ver uns post mais em baixo (ou aqui), e com conhecimento da USBA (organizadora do Azores Island Pro).

A minha pergunta à ASP Europa:
I my name is Rui and i have a issue to resolve concerning the wildcards that were given in the Azores Island Pro 2011.This following email is going to the local newspaper, to the event organization and to the local goverment as well. So my question is this:
Can or canot the organization of the Azores Island Pro 2011 - a 6 star prime event, give their wildcards to local azorean surfers? if so, what are the conditions to give or not to give the wildcards to local azorean surfers.
Best regards
Rui cabral
 
A resposta da ASP Europa (que foi com conhecimento a todas as entidades referidas em cima):
Hi Rui,
Event wildcard selection is the decision of the event and its organisor/s.
All surfers, including wildcards, must have current 2011 ASP 'Full Star' membership payments complete, and entry fee paid one month prior to the event starting date via the 'Online members area' at www.aspeurope.com to be eligible for a wildcard slot.
Regards,
Rob
 
Conclusão: a organização poderia e deveria ter atribuido wildcards a surfistas açoreanos, para além de um acto de cortesia e respeito com os surfistas locais, seria ainda um factor de maior União da comunidade de Wave Riders Açoreanos em volta deste campeonato.

Stª Bárbara "vestiu-se de gala" para receber os atletas do Azores Island Pro 2011

Depois de torturada e maltratada durante anos, num triste fado, a praia de Stª Bárbara (ver aqui), vestiu-se de gala, como que a agradecer a sua reabilitação levada a cabo pela câmara municipal da Ribeira Grande.


Billabong Pro Azores 2011

I`M GONNA KNOCK YOU OUT (HUUUH!!!)

3 portugueses já eliminados do Azores Island Pro

Felipe Jervis (wildcard da organização), Tiago "Saca" Pires, e Nicolau Von Rupp (wildcard da ASP europe) foram hoje eliminados do Azores Island Pro 2011 (mais info.)
PhotoASP Europe - O surf no pico a que os primeiros surfistas de São Miguel denominaram de "Pico da Ganza"

quarta-feira, 28 de setembro de 2011

Malia Manuel Wins Billabong Girls Azores Islands Pro

Photo : ASP Europe
For more info: ASP Europe

Sessão de autografos no Espaço Azul

"Vai acontecer amanhã, quinta-feira, na loja Espaço Azul uma sessão de autógrafos com o actual Campeão Nacional Open e o seu shaper.
A Polen Surfboards e a loja Espaço Azul promovem amanhã, quinta-feira, 29 de Setembro, uma sessão de autógrafos com o actual Campeão Nacional Open e o seu shaper. Assim, além de poderes ver ao vivo algumas pranchas Polen, vais poder conviver com o Justin Mujica e conversar com Nuno Cardoso ‘Surdo’, o shaper residente da Polen Surfboards e um dos mais requisitados e conceituados shapers do momento.
Por ocasião do Billabong Azores Islands Pro 2011, WQS feminino e masculino que está a acontecer nos Açores, a Polen Surfboards desloca-se assim mais uma vez a este evento com o intuito de apoiar os seus atletas Justin Mujica, Francisca Santos e Frederico Morais, além de estabelecer alguns contactos com atletas internacionais e surfistas locais dos Açores.
A loja Espaço Azul é a principal parceira comercial da Polen nos Açores e por isso juntos promoveram este evento.
Não faltes, aparece!"
Texto original retirado de Surftotal
Notícia enviada por Espaço Azul