terça-feira, 29 de junho de 2010

Rodrigo Herédia fala sobre o Azores Islands Pro 2010


Dá um check na entrevista aqui

7 comentários:

  1. Este evento mostrou bem o tipo de gente que o promove e as suas intenções. Ainda ninguém explicou como é que o dinheiro do evento foram pagas passagens e estadias a "personas vip sociales" que nada tem aver com surf. Será que esse dinheiro não deveria ter sido gasto com algo útil?

    ResponderEliminar
  2. Concordo plenamente com as "personas vip sociales" que bem podiam ter ficado na terra deles, pois não fizeram falta nenhuma ao evento, o dinheiro gasto a trazer esses "jets sets" podia ter sido aplicado por exemplo em ecopontos para a praia, ou no melhoramento dos acessos ou em prol de qualquer outro melhoramento dos envolventes da praia do Monte Verde

    ResponderEliminar
  3. Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

    ResponderEliminar
  4. Este senhor do Sky queria encher a bolsa na Madeira com WCT e outros circos. Os locais uniram-se e convidaram-no a ir pregar para outra freguesia pois os seus eventos não trariam beneficio algum para quem la reside e surfa. Choveram emails a contestar e argumentar logicamente as intenções do Herédia. Resultado: Veio encher a bolsa para os Açores, enganar o pessoal com as suas intenções de se querer juntar a salvar as ondas, montar um surf camp e escolas. No continente ninguém lhe passava cartão e farto do crowd de carcavelos veio para São Miguel trazer todo o que não interessa do continente. Só falta darem-lhe uma medalha!

    ResponderEliminar
  5. Esse gajo pensa que os Açorianos são burros ou quê? já tem uma casa em São Miguel e tudo, deve pensar que já tem livre trânsito para surfar em todos os picos mais os seus amiguitos do socialite! Vão mas é para Cascais para junto das Lilis e Cinhas e outros que tal...

    ResponderEliminar
  6. Este espaço foi criado para a divulgação dos deportos de ondas, permitindo uma troca de ideias, partilha de opiniões e uma livre liberdade de expressão. Contudo não serão permitidos comentários ofensivos, com linguagem ou termos desadequados.Todos esses serão imediatamente apagados.

    ResponderEliminar
  7. Herédia, uma anedota. Aqui na Madeira não surfas de certeza.

    ResponderEliminar

Por opção editorial, o exercício da liberdade de expressão é permitido, excluindo,todos os comentários anónimos com linguagem inapropriada, considerada abusiva, que serão imediatamente apagados. Nas caixas de comentários abertas ao público disponibilizadas pelo Wave Riders Açores em www.waveridersacores.com. Os textos aí escritos podem, por vezes, ter um conteúdo susceptível de ferir o código moral ou ético de alguns leitores, pelo que o Wave Riders Açores não recomenda a sua leitura a menores ou a pessoas mais sensíveis.

As opiniões, informações, argumentações e linguagem utilizadas pelos comentadores desse espaço não refletem, de algum modo, a linha editorial ou o trabalho do Wave Riders Açores.

O Wave Riders Açores reserva-se o direito de proceder judicialmente ou de fornecer às autoridades informações que permitam a identificação de quem use as caixas de comentários em www.waveridersacores.com para cometer ou incentivar atos considerados criminosos pela Lei Portuguesa, nomeadamente injúrias, difamações, apelo à violência, desrespeito pelos símbolos nacionais, promoção do racismo, xenofobia e homofobia ou quaisquer outros.